Sobre o blog

“O Camponês” porque moro no interior, na roça, como se diz. Daqui, da roça, olho para o mundo.

***

Não vou negar que minha intenção, com meus textos e colheitas, é causar esse deslumbramento:

“Quando ouvimos Bach, vemos Deus nascer… Depois de um oratório, de uma cantata, de uma paixão, Deus tem que existir. E pensar que tantos teólogos e filósofos desperdiçaram noites e dias procurando provas da existência de Deus, esquecendo-se da única!”. (Emil Cioran, De lágrimas e santos)

A intenção é alta, o blogueiro é medíocre.  Mas não desiste.

7 Comentários para Sobre o blog

Avatar

sergio

março 16th, 2013 16:04

Caríssimo João Duque,

Que honra ter um leitor de Portugal! Agradeço de coração os elogios feitos ao meu Camponês.

Na verdade, você decifrou bem o objetivo do blog, que converge com o apelo do Papa Emérito Bento XVI: lançar pontes entre a Fé e a Cultura, e não só, reconstruir uma Cultura católica, no seio de um mundo secular.

E você acertou na mosca quanto às minhas preferências (e referências): autores católicos leigos do século XX : Maritian, Bernanos, Péguy, Paul Claudel, Mauriac, Papini, Chesterton, Graham Green, Flannery O’Connor, Eugénio Corti, os que souberam transmitir , numa “linguagem de Atenas”, as “verdades de Jerusalém” (para usar uma celebre metáfora de León Chestov).

Isso é bonito demais! Eu acrescentaria entre os que você citou o brasileiro Gustavo Corção, um de meus autores favoritos. E, claro, Leon Bloy!

Agradeço o incentivo e peço que continues a ler e a colaborar comigo na construção do blog. Quem sabe me informando sobre autores portugueses que seguem a linha destes que tanto amamos. Se não me engano, Cristina Campo, uma grande poeta e ensaísta ligada ao catolicismo, é bem popular em Portugal…

Abraços do Brasil e que Deus te abençoe!

Avatar

João Duque

março 25th, 2013 7:19

Bom dia, amigo Sérgio !
De facto, esqueci-me de citar Gustavo Corção e León Bloy (um grande e esquecido nome, citado pelo nosso Papa Francisco, na sua primeira homilia, e logo numa das suas mais terríveis frases: “celui que ne prie pas Dieu, prie le Diable”). Acrescentaria ainda o padre Leonardo Castellani (1899-1981), um sacerdote jesuíta argentino que começou a ser divulgado na Europa pelo escritor espanhol Juan Manuel De Prada (n.1970), o qual podemos também considerar um exclente polemista católico, nas suas crónicas em jornais espanhóis. Mas destes dois nomes falarei posteriormente com amis detalhe !
Quanto a Cristina Campo (era italiana, não portuguesa), uma sua obra foi traduzida numa colecção de inspiração catolica, chamada “Teofanias”, na editora Assírio e Alvim, dirigida pelo padre José Tolentino de Mendonça (responsável pela “pastoral da Cultura” da Conferencia Episcopal Portuguesa que tambem é poeta).

Sim, amigo Sérgio, a Cultura católica volta a dar sinais de vida aqui em Portugal – e um pouco por toda a Europa, depois de décadas de decadencia e ostacismo. Apesar do deserto espiritual em que o Velho Continente se trasformou, há quem mantenha acesa a chama da Fé e saiba testemunhá-la !
(Já agora: penso iniciar em breve um blogue semelhante ao teu – embora sem a tua enorme qualidade !- onde dê a conhecer alguns nomes de autores católicos portugueses do século XX, na Poesia, no Romance e no Ensaio)

Avatar

Cafira

dezembro 14th, 2015 10:14

A paz de Cristo esteja contigo querido Camponês.
Estou mais que agradecida por ter descoberto teu blog.
Tem me proporcionado ótimos momentos de leitura dos teus artigos.
É encantador,ver que alguém explora tão bem a literatura católica e expõe aos demais.
Se possível gostaria de manter contato,desde obrigado.

Avatar

Maria Alice

maio 9th, 2016 16:31

Olá! Estive por aqui de passagem e apenas escrevo para recomendar livros de Dom Giussani que temos em nossa loja virtual, caso seja de seu interesse!
Visite-nos em http://totusmariae.org/produtos
Obrigada!!
Salve Maria!

Avatar

Enzo Potel

junho 11th, 2016 19:36

Oie, Sérgio! Tudo bom?
Sempre bom voltar a seu blog e encontrar alguma menção à Flannery O´Connor.
Nos últimos tempos eu andei avesso a ter blog, mas inaugurei um recentemente e acho que vai funcionar (link acima). Não sei se vai te agradar igual o falecido “edificilencontrarumblogbom”, mas achei que poderia te convidar a conhecê-lo. : )
Inté!

Avatar

sergio

junho 11th, 2016 22:30

Olá querido, Enzo! Tudo bem!Seu blog faz muita falta! Era charmoso e sofisticado! Uma raridade na blogosfera nacional. Vou conferir seu novo blog…

Seja sempre bem vindo aqui!

Avatar

alice franca leite EX´-Cafezeiro

julho 16th, 2016 18:10

Gosto demais dos autores católicos como Lucio Cardoso:passei mais de 3 anos ruminando o seu Diário e a Cronica da Casa Assasinada…. Tempos em que eu era menina…hoje quase octogenária…Era aluna das Dominicanas/Colégio Sta Rosa de Lima…. amava os católicos,mas G.Corção nem tanto…..
a.francaleite@uol.com.br

Deixe um comentário

"A religião não era o ópio e sim a poesia da humanidade".

(Harold Bloom sobre Flannery O'Connor).

  • alice franca leite EX´-Cafezeiro: Gosto demais dos autores católicos como Lucio Cardoso:passei mais de 3 anos ruminando o seu Diário [...]
  • sergio: Olá querido, Enzo! Tudo bem!Seu blog faz muita falta! Era charmoso e sofisticado! Uma raridade na b [...]
  • Enzo Potel: Oie, Sérgio! Tudo bom? Sempre bom voltar a seu blog e encontrar alguma menção à Flannery O´Co [...]
  • sergio: Delma, Minha esposa tem um blog. Como esse assunto é mais fácil de ser tratado de mulher para mul [...]
  • sergio: Dailza, Minha esposa tem um blog. Como esse assunto é mais fácil de ser tratado de mulher para mu [...]