Posts Tagged ‘amor

Os fariseus querem que os outros sejam perfeitos, Exigem-no. Não sabem falar de outra coisa. Mas Eu sou menos exigente, diz Deus. Porque Eu sei bem o que é a perfeição e não a exijo tanto aos homens. Precisamente porque Eu sou perfeito e não há em Mim mais do que perfeição, não sou tão […]

Imagem: “A Natural Autoridade de Cristo”, Felipe Stefani, 2015 Todos os dias eu peço à Santíssima Virgem Maria que me ajude a enunciar claramente a Verdade que ela portou no ventre. Além de súplica de filho que olha para as mãos da mãe como a serva as da sua senhora (Sl. 122,2), é uma lembrança […]

Love

In: Perplexidades

6 set 2015

“…the most important element in the contemplative life is not knowledge but love…” (Thomas Merton, Ascent to Truth)

Quando se deu conta, a vida tinha passado, e não fizera outra coisa, dia após dia, senão pensar em Deus. Perdera a vida por amor a Deus. (Luiz Cesar de Araujo)

Fonte: Vídeos Guilherme Freire

“Suponho ser comum nos irmãos mais velhos, enquanto crianças, sentir-se diminuídos na companhia de um irmão quatro ou cinco anos mais novo, a quem consideram um bebê precisando de proteção, e que tratam com superioridade. Assim, quando Russ, eu e Bill fazíamos uma cabana no bosque, com tábuas e papelão que recolhíamos nas construções de […]

Amada Vida

In: Crônica

26 set 2014

José Tolentino Mendonça Pode parecer estranho, mas a dada altura agarramo-nos à dor como se ela fosse um heroísmo e pomo-nos a expor feridas como quem exibe condecorações. O nosso desígnio, inconfessado, mas claríssimo, passa a ser atravessar a vida (e o que nos resta dela) com o estatuto de vítima. A nossa cabeça de […]

Imagem do do túmulo dos Condes de Arundel   An Arundel Tomb Side by side, their faces blurred, The earl and countess lie in stone, Their proper habits vaguely shown As jointed armour, stiffened pleat, And that faint hint of the absurd — The little dogs under their feet. Such plainness of the pre-baroque Hardly involves the […]


"A religião não era o ópio e sim a poesia da humanidade".

(Harold Bloom sobre Flannery O'Connor).

  • alice franca leite EX´-Cafezeiro: Gosto demais dos autores católicos como Lucio Cardoso:passei mais de 3 anos ruminando o seu Diário [...]
  • sergio: Olá querido, Enzo! Tudo bem!Seu blog faz muita falta! Era charmoso e sofisticado! Uma raridade na b [...]
  • Enzo Potel: Oie, Sérgio! Tudo bom? Sempre bom voltar a seu blog e encontrar alguma menção à Flannery O´Co [...]
  • sergio: Delma, Minha esposa tem um blog. Como esse assunto é mais fácil de ser tratado de mulher para mul [...]
  • sergio: Dailza, Minha esposa tem um blog. Como esse assunto é mais fácil de ser tratado de mulher para mu [...]